1 1 1 1 1 Pontuação 5.00 (2 Votos)

A cultura da banana e a sua importância para a Região

GESBA2.1

Recortados pelas paredes claras e os telhados alaranjados das casas, os bananais transformam a paisagem da vertente sul da ilha da Madeira, tornando-a diferente e tão bela. Se a esses recortes juntarmos os muros de pedra aparelhada que parecem nascer do solo apenas para amparar as terras, tentando travar o relevo acentuado que traça a orografia da ilha, temos uma paisagem de beleza incomparável. Quem nos visita não fica indiferente ao mesclado dos vários tons de verde das bananeiras com o colorido das habitações, que tanto caracterizam as pequenas explorações agrícolas de Banana da Madeira. No cultivo da Banana da Madeira, respeitam-se e cumprem-se as boas práticas agrícolas, o meio ambiente e as normas de qualidade europeias, garantindo ao consumidor que saboreia esta fruta a plenitude das suas qualidades e a sua origem. A proximidade entre o produto e aquele que produz e o respeito pelas boas práticas agrícolas e ambientais, além de serem elementos diferenciadores, são fatores cada vez mais valorizados pelas marcas e pelos seus consumidores.

É no sul da Ilha que a cultura da banana encontra as condições essenciais para o seu bom desenvolvimento: temperatura elevada, dada pela boa exposição solar, e a água em abundância. Procurando essas condições, a banana está implementada, na sua quase totalidade, ao longo do Sul da Ilha, entre o nível do mar e os 200 metros de altitude, sendo predominante nos concelhos da Calheta, Ponta do Sol, Ribeira Brava, Câmara de Lobos e Funchal, muito embora possamos encontrar bananais em cotas mais elevadas e em municípios a Norte, embora com uma rentabilização menor, sendo, muitas das vezes, parte de pequenas hortas familiares.

 

Os bananais ocupam uma área superior a 600 hectares, pelo que a cultura da banana representa uma parte considerável de toda a superfície cultivada da Ilha. A cultura da banana tem contribuído para a manutenção e para o incremento da atividade agrícola, tendo surgido novos bananais que levam a que a produção apresente uma tendência crescente. Devido à pequena dimensão da grande maioria das explorações agrícolas, a Banana da Madeira tem uma relevância económica bastante abrangente, funcionando como um rendimento suplementar ou global para os cerca de 2800 produtores agrícolas. A importância da cultura da banana para a Região, não abrange só os produtores, mas todos aqueles que participam, direta ou indiretamente, no sector da banana - uma mão-de-obra que está presente não só na produção, mas também na recolha, no transporte, no acondicionamento, no embalamento e na distribuição.

A atividade agricultura na Região visa o desenvolvimento rural e a sustentabilidade ambiental, social e económica, onde a cultura da banana assume um papel preponderante, gerando valor ao produto e a quem produz esse produto de excelente qualidade e sabor: a Banana da Madeira.


Gesba, Lda.

Tem alguma questão? Coloque-a aqui:

Código de segurança
Atualizar