1 1 1 1 1 Pontuação 3.25 (4 Votos)

Avaliação anual do Laboratório Regional de Veterinária e Segurança Alimentar pelo Instituto Português de Acreditação

Fig1 Laboratorio Regional Veterinaria Seguranca Alimentar Nos dias 10 e 11 de novembro do ano corrente, o Laboratório Regional de Veterinária e Segurança Alimentar (LRVSA), da Direção de Serviços dos Laboratórios e Investigação Agroalimentar (DSLIA) da Direção Regional de Agricultura (DRA), teve a sua avaliação anual, realizada por auditores contratados pelo IPAC (Instituto Português de Acreditação) para o efeito.

Trata-se da última avaliação, inserida no 2.º ciclo de acreditação em vigor (2013-2016), que constituiu a renovação e extensão para o âmbito flexível do primeiro ciclo (2011-2013), que na altura era de 3 anos.

Fig1 Analise documental durante auditoria  
Fig. 1 – Análise documental durante a auditoria

Esta avaliação visou a análise das atividades da DSLIA/LRVSA, quer a nível do sistema de gestão, que também suporta os ensaios laboratoriais, quer a nível do desempenho nas análises inseridas no âmbito dos ensaios acreditados.

Fig2 Observacao desempenho
Fig. 2 – Observação do desempenho

Esta análise foi do tipo documental, com o objetivo de verificar as evidências que dão cumprimento aos vários requisitos da norma EN NP ISO/IEC 17025:2005 (Fig. 1), e presencial na execução de alguns ensaios acreditados para avaliar a destreza e a competência dos trabalhadores desta área, na execução dos mesmos (Fig. 2).

No final da auditoria, a equipa auditora (EA) referiu e deixou escrito no relatório de avaliação (Fig. 3) o seguinte:

“A EA continua a salientar como pontos fortes: o controlo da qualidade interno robusto, o empenho na melhoria do sistema de gestão implementado, as instalações disponíveis, sendo que os elementos contactados mostraram-se familiarizados com os ensaios avaliados e com o sistema de gestão, evidenciando competência e qualificação para as funções que desempenhavam e estavam motivados e envolvidos no processo de Acreditação”.

 
Fig3 Relatorio Auditoria  
Fig. 3 – Relatório de Auditoria

Apesar de terem sido registadas constatações de melhoria a implementar, perante as afirmações da EA, a DSLIA/LRVSA continua a reunir as condições para manter-se como Laboratório Acreditado.

No seguimento do acima exposto, a DSLIA/LRVSA enviará ao IPAC o plano de ações para as constatações assinaladas e posteriormente, decorridos os trâmites administrativos necessários, será recebida a nova edição do anexo técnico, prevista para abril de 2017.

Durante o ano de 2017, a DSLIA/LRVSA trabalhará no sentido de se preparar para iniciar um novo ciclo de acreditação (2017-2020), que será avaliado no final de cada um dos 4 anos.

A manutenção e renovação da acreditação exigem um trabalho contínuo para manter implementados os requisitos da norma EN NP ISO/IEC 17025:2005 e demonstrar que comprovadamente possui os recursos humanos, equipamentos, métodos, instalações e procedimentos laboratoriais necessários e adequados para “produzir” resultados que cumprem com as necessidades dos clientes e as exigências de boas práticas aplicáveis.

Este sucesso deveu-se a um trabalho de equipa que engloba um sistema de gestão, desde a Gestão de Topo que garante os recursos logísticos e financeiros, a Direção da DSLIA que gere esses recursos na entidade, ao Sistema de Gestão, aos Serviços Transversais de apoio (manutenção, informáticos, administrativos, logísticos) que constituem um suporte chave para o desempenho dos laboratórios e com realce para todos os trabalhadores das áreas laboratoriais (responsáveis técnicos, analistas, auxiliar de analistas e assistentes) que executam as suas atividades para emitir um resultado fiável.

“O sucesso é a soma de pequenos esforços repetidos diariamente.”
(Robert J. Collier).

Direção de Serviços dos Laboratórios e Investigação Agroalimentar
Laboratório Regional de Veterinária e Segurança Alimentar
Direção Regional de Agricultura

Tem alguma questão? Coloque-a aqui:

Código de segurança
Atualizar