1 1 1 1 1 Pontuação 2.00 (1 Votos)

Vermicompostagem associada à produção animal na RAM

Na Região Autónoma da Madeira a produção animal tradicional em palheiro tem normalmente associada a existência de estrume que posteriormente é utilizado na agricultura.

Este estrume é retirado periodicamente das camas dos animais e acumulado muito perto do palheiro, sendo composto pelas fezes e urinas dos animais misturadas com os resíduos vegetais que são utilizados.

A sua acumulação ao ar livre e em zona não impermeabilizada acarreta riscos que podem ser evitados, caso se opte pela criação de um fossa para os resíduos líquidos e de um compostor para os resíduos sólidos.

A vermicompostagem com utilização de minhocas pode ser uma boa opção para a valorização das partes sólidas das camas dos animais.

vermic1 vermic2 vermic3

 

 

Em relação à compostagem tradicional, a vermicompostagem é muito fácil de realizar e pode ser conseguida com recurso às minhocas que naturalmente se encontram nos estrumes mais ou menos curtidos, tendo ainda a grande vantagem de ter menos custos de manutenção, visto não implicar a realização de qualquer operação de arejamento, garantida pelas próprias minhocas.

Assim, sugere-se a construção de um vermicompostor (conforme foi feito no Centro de Ovinicultura de Santana) recorrendo a tábuas de eucalipto e tela negra de cobertura de solo que é colocada no fundo. Facilmente se consegue uma estrutura modular com cerca de 50cm de altura por 2,5m de comprimento e 1m de largura, permitindo a colocação de um volume de "camas" de aproximadamente de 1,25m3.

As camas são colocadas em camadas tendo o cuidado de as molhar bem mas sem encharcar.

As minhocas podem ser colhidas recorrendo a sacos de sarapilheira com estrume fresco, que colocados e enterradas em pilhas de estrume já curtido vão atrair e concentrar as minhocas lá existentes.

Depois, devem ser distribuídas sobre os materiais a vermicompostar onde prontamente se irão naturalmente enterrar.

A manutenção deverá apenas garantir a humidade no substrato e proteção contra predadores (aves, etc.).

 

Paulo Rodrigues
Direção Regional de Agricultura e Desenvolvimento Rural

Tem alguma questão? Coloque-a aqui:

Código de segurança
Atualizar