1 1 1 1 1 Pontuação 5.00 (1 Votos)

Apresentação do projeto MARISCOMAC e o site oficial

MariscoMac

MariscoMac logo final

Título

Desenvolvimento de condições técnico-científicas, formação, transferência de tecnologia e conhecimento, visando fomentar a exploração e comercialização sustentável de mariscos na Macaronésia

Entidades participantes no projeto

Madeira: Secretaria Regional de Agricultura e Pescas/ Direção
Regional de Pescas/Direção de Serviços de Investigação (SRAP/DRP/DSI: Chefe de Fila)); Câmara Municipal do Funchal/Estação de Biologia Marinha do Funchal (CMF/EBMF)

Canárias: Universidad de Las Palmas de Gran Canaria (ULPGC)

Cabo Verde: Instituto Nacional de Desenvolvimento das Pescas (INDP); Universidade de Cabo Verde (UNICV); Escola de Hotelaria e Turismo de Cabo Verde (EHTCV); Agência para o Desenvolvimento Empresarial e a Inovação (ADEI)

Descrição técnica do conteúdo do projeto

Visa o desenvolvimento de condições técnicas e bases científicas para a exploração sustentável de mariscos e peixes nas águas da Madeira, Canárias e Cabo Verde e sua comercialização. A transferência de conhecimento e tecnologia para as PME’s da fileira das pescas, a formação profissional na exploração destes produtos marinhos valorizados/inovadores e seu uso responsável na atividade extrativa, restauração e turismo serão seus pilares. Serão utilizadas TIC’s para a disseminação de conhecimento/tecnologia, visando a capacitação e fomento das PME’s e a criação de emprego, contribuindo para a economia azul. Esta estratégia melhorará a competitividade das PME’s e criará condições para sua internacionalização.

Valor acrescentado da cooperação

O projeto, no âmbito da cooperação no espaço MAC, apresenta o valor acrescentado que resulta diretamente da participação conjunta de três países (Portugal, Espanha e Cabo Verde), potenciando a cooperação entre a UE e os Países Terceiros e do envolvimento e cooperação com um número muito significativo de PME’s dos três arquipélagos.

 

No âmbito do eixo em que se insere, o projeto aposta decisivamente na capitalização do conhecimento científico e tecnológico existente ou a adquirir no âmbito do próprio projeto e na diversificação, valorização e inovação das matérias-primas e produtos transformados, colocando-os ao serviço da valorização e incremento da capacidade e competitividade das PME’s.

O MARISCOMAC deverá contribuir de forma efetiva para a alavancagem do crescimento das PME’s nos mercados, criação de novas oportunidades de negócio e de mais-valia para a bio economia do mar das regiões envolvidas.

Utilidade do projeto

Os principais beneficiários incluem as PME’s do sector das pescas e respetiva fileira (armação e organizações representativas, transformação e comercialização), bem como a restauração e o turismo. Capacitará de forma efetiva à pesca artesanal de marisco, resultando na introdução e perpetuação de novos produtos pesqueiros e no aumento do valor de pescas já estabelecidas (lapas), através da certificação e da atribuição de Identificação de Origem Protegida.

Potenciará sinergias que resultem em novas oportunidades de negócio, através da colocação de novas matérias-primas no domínio da transformação de mariscos, estimulando a competitividade e experimentando a comercialização e a integração de produtos nos canais de comercialização, consumo direto, restauração e hotelaria.

Gerará conhecimento em biotecnologia, qualidade e gestão de recursos pesqueiros que será disseminado aos atores e fornecerá as bases para revisão, adaptação e criação de normativa e para o incremento na segurança alimentar.

 

Site oficial: https://www.mariscomac.org/

João Delgado/Adriana Alves
Direção de Serviços de Investigação
Direção Regional de Pescas

Comentar

Código de segurança
Atualizar