1 1 1 1 1 Pontuação 5.00 (1 Votos)

Programa de Marcação de Atuns Tropicais no Oceano Atlântico (AOTTP/ICCAT)

A Comissão Internacional para a Conservação do Atum no Atlântico/ International Commission for the Conservation of Atlantic Tunas (CICAA/ICCAT), através do grupo de trabalho AOTTP, coordena o Programa de Marcação de Atuns no Oceano Atlântico, que tem como objetivo a realização de campanhas de marcação dirigidas às espécies de tunídeos tropicais de patudo, gaiado e albacora.

marcacao atum2  
marcacao atum pesca

Visando aquele objetivo, foram previstas missões para marcação de 4.500 exemplares destas espécies nas águas dos arquipélagos da Madeira e Açores nas épocas de safra da frota atuneira regional.

Estas missões tiveram início em julho de 2017, a bordo da embarcação “Ponta Calhau” FN 1757 C e decorrerão até outubro de 2018, com a participação de biólogos e técnicos da Direção de Serviços de Investigação das Pescas (DSI/DRP) e Observatório Oceânico da Madeira/ARDITI.

O objetivo geral do Programa AOTTP é contribuir para a segurança alimentar e o crescimento económico dos países costeiros do Atlântico que dependem das pescarias de atuns tropicais, assegurando a gestão sustentável destes recursos no Oceano Atlântico.

Especificamente, fornecerá pareceres científicos baseados no aconselhamento para o desenvolvimento dos estados costeiros do Atlântico e outras Partes Contratantes da ICCAT, para que os mesmos adotem medidas de conservação e gestão adequadas no âmbito da Comissão Internacional para a Conservação dos Tunídeos do Atlântico (ICCAT), responsável pela recolha de dados estatísticos, estudos de investigação científica, de avaliação e monitorização dos recursos do Atlântico.

 
marcacao atum1

Com este projeto, pretende-se melhorar a estimativa - resultante dos dados de recaptura destas marcações - dos parâmetros-chave para avaliação dos stocks, isto é, crescimento, mortalidade natural, padrões de migração e estrutura de stocks.

No caso do pescador encontrar um peixe marcado, não deve retirar a marca antes de medir o peixe, fornecendo às entidades competentes (ICCAT e DRP) informação mais detalhada sobre o código da marca, espécie, data e local onde o peixe foi capturado.

Existe um formulário para recaptura(s) disponível em www.iccat.int. E, para este efeito, poderão solicitar a sua recompensa para os seguintes endereços:

ICCAT

E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Endereço: C.P. 542, Madrid, Espanha

ou

Direção de Serviços de Investigação/Direção Regional de Pescas

E-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Endereço: Estrada da Pontinha, 9004-562 Funchal/Madeira/ Portugal
Telefone: 291 203 200

Poderão ainda consultar informação mais detalhada deste programa no site da ICCAT:

https://www.iccat.int/en/

e no link do programa:

http://www.iccat.int/AOTTP/en/

 

 

Lídia Gouveia e Adriana Alves
Direção de Serviços de Investigação
Direção Regional de Pescas

Tem alguma questão? Coloque-a aqui:

Código de segurança
Atualizar