1 1 1 1 1 Pontuação 5.00 (1 Votos)

Direção Regional de Agricultura faz-se representar no 1.º Congresso Luso-Brasileiro de Horticultura

congresso horticulturacongresso horticultura1A Secretaria Regional de Agricultura e Pescas, através da Direção Regional de Agricultura (DRA), vai marcar presença no 1.º Congresso Luso-Brasileiro de Horticultura, a realizar-se de 1 a 4 de novembro em Lisboa, através de quatro técnicos dos seus quadros especialistas na área da hortofruticultura.

A DRA irá apresentar uma comunicação oral, com o título "Fruticultura tropical e subtropical na Região Autónoma da Madeira - situação atual e perspetivas futuras", da autoria de Miguel Rodrigues, Rui Nunes, Aurélia Sena, Luís Dantas e Teresa Luz.

De igual modo, serão divulgados ao congresso dois E-posters: "Melhoramento genético da pitangueira na Madeira", de Rui Nunes e Manuel Pereira, e "Melhoramento genético da anoneira na Região Autónoma da Madeira", de Rui Nunes.

 

Os trabalhos científicos a apresentar no 1.º Congresso Luso-Brasileiro de Horticultura, incidem sobre um conjunto de 14 áreas temáticas, a exemplo da propagação de plantas e caraterização de material; da proteção fitossanitária; da horticultura biológica; da seleção, embalagem, conservação e distribuição, logística de transporte, distribuição, comercialização e consumo de produtos hortícolas; das tecnologias pós-colheita; dos compostos bioativos em hortaliças e frutas; do melhoramento e seleção de cultivares; e da ecofisiologia das culturas em nove grupos de culturas, como sejam a fruticultura temperada e tropical; as hortaliças; a horticultura ornamental; os pequenos frutos; as plantas medicinais e aromáticas; e novas culturas.

Este congresso internacional reúne os mais reputados especialistas portugueses e brasileiros de um vasto e variado conjunto de matérias em importantes fileiras da hortofruticultura. Estarão em discussão um conjunto muito diversificado de temas, dos quais se destaca os workshops "Sistema de controlo inteligente do clima da estufa" e "Prova sensorial de maçãs e peras portuguesas"; as conferências plenárias "Os novos desafios da qualidade pós-colheita" e “Panorama da fruticultura brasileira: atualidade e perspetiva"; as mesas redondas "Fileira das frutas e hortaliças - entraves e perspetivas das importações e exportações", " O futuro do mercado de frutas e hortaliças" e "Novos caminhos na promoção do consumo de fruta e hortaliças".

Com esta participação, a DRA pretende não só divulgar à comunidade os trabalhos que tem desenvolvido no âmbito da Hortofruticultura, como também dotar os seus técnicos dos conhecimentos mais atuais do que se está fazendo nestas áreas do setor agrícola, reforçando assim a aposta na experimentação, investigação e modernização do setor hortofrutícola da RAM.

 

Tem alguma questão? Coloque-a aqui:

Código de segurança
Atualizar