1 1 1 1 1

O Varrer dos Armários em Santana

varrerdosarm1Com o propósito de reavivar e manter as tradições do concelho, a Casa do Povo de São Roque do Faial organizou ontem, dia 14 de janeiro, véspera do Santo Amaro, o Varrer dos Armários, iniciativa dinamizada pelo Grupo de Tocares e Cantares "Camponeses" da referida Casa do Povo e que proporcionou alegres momentos de convívio e de confraternização entre os elementos do Grupo de Tocares e Cantares e aqueles que os recebem.

A tradição de visitar as casas dos amigos pelo Santo Amaro, que assinala o fim da "Festa", é já antiga e há 6 anos, depois de várias décadas em que o Varrer dos Armários estava esquecido em São Roque do Faial, este Grupo visitou algumas casas no dia 14 de janeiro para visitar as lapinhas, mantendo-se desde então.

Como curiosidade, de referir que um dos membros do grupo usa vestes idênticas às de Santo Amaro, que foi bispo da Igreja Católica. A vassoura e a pá, por sua vez, são utilizadas para simbolizar a limpeza dos armários.

Este ano, a visita às casas iniciou-se em Santana, pelas 19h30, todas elas de pessoas amigas que solicitaram atempadamente. Uma vez que a atividade foi realizada durante a semana, e o dia 15 é dia de trabalho, as casas visitadas não foram muitas, de modo a que não se prolongasse pela noite dentro.

Mas como o tempo ainda é de festa, não faltaram as iguarias típicas da época, a exemplo dos licores, da canja, das castanhas assadas e das broas e a forma amável como os residentes recebem os "Camponeses", dá-nos alento e coragem para continuar com este tipo de iniciativas e assim contribuir para manter as tradições do norte da Madeira.

Heliodoro Dória

 

Dá-nos licença de entrar
Ó nossa rica vizinha
Queremos varrer os restos
Que sobraram da lapinha

Coro:
É o Santo Amaro
Que hoje aqui vem
Varrer dos armários
Os restos que tem
Rico Santo Amaro
Que hoje é festeiro
Dai-nos muita sorte
Para o ano inteiro

Trazemos uma vassoura
E também a nossa pá
Por favor abra os armários
Queremos varrê-los já

Santo Amaro era bispo
E cá está representado
Por nos ter aberto a porta
O nosso muito obrigado

A nossa Casa do Povo
Como ela não há igual
Para varrer os armários
Em São Roque do Faial

P'ra cantar o Santo Amaro
Viemos em romaria
Trazemos a toda a gente
Saúde e muita alegria

Andamos de porta em porta
Como manda a tradição
Que ela fique bem guardada
Sempre em nosso coração

Ainda cheira a Natal
Não há festa como esta
É dia de Santo Amaro
A despedida da Festa

Pedimos a Santo Amaro
A Deus Menino também
Um Bom Ano para todos
E até ao ano que vem

Ao(À) senhor(a).....
De ..... natural de .....
Vamos varrer os armários
Porque acabou o Natal"




Música: Natividade Abreu
Letra: Natividade Abreu
e Heliodoro Dória

Tem alguma questão? Coloque-a aqui:

Código de segurança
Atualizar