1 1 1 1 1

Agenda 

De 3 a 27 de setembro: 65.ª Exposição Regional da Flor

Decorre até domingo, no Largo da Restauração, no Funchal, a 65.ª Exposição Regional da Flor, que pode ser visitada todos os dias das 10h00 às 20h00.

Sob o tema “reflorescer, assim, decididamente”, podem observar-se um sem fim de espécies, como as proteáceas, as orquídeas, os antúrios, os cravos, as rosas e as gerberas, estando asseguradas as medidas de recomendação, contingência e resposta destinadas a evitar a propagação do novo Coronavírus SARS-CoV2.

Se ainda não visitou, aproveite estes últimos dias da Exposição!

De 1 de setembro a 5 de dezembro: Exposição "Do teu fruto, o mel" no Museu Etnográfico da Madeira

A exposição “Do teu fruto, o mel”, patente até 5 de dezembro, no Museu Etnográfico da Madeira localizado no centro da Vila da Ribeira Brava, dá a conhecer os processos de confeção de dois tipos de mel, únicos na nossa Região, o mel de figos e o mel de vinho em mosto, e a sua utilização no quotidiano madeirense.

Trata-se de duas tradições ancestrais, que ainda hoje podemos encontrar nos sítios da 1.ª, 2.ª e 3.ª Lombada, na freguesia da Ponta Delgada, concelho de São Vicente. A origem destes dois tipos de mel está intimamente ligada à necessidade de o povo obter mel, na época natalícia, para a confeção dos “bolos e broas da Festa”, uma tradição fortemente enraizada na nossa Ilha, quer nos meios rurais, quer no meio citadino.

Na falta de recursos financeiros para obter o tradicional mel de cana, o povo soube, de forma inteligente e criativa, aproveitar os recursos naturais que o meio colocou à sua disposição, nomeadamente dois frutos: as uvas e os figos. No caso destes últimos, além de que a necessidade aguça o engenho, acresce ainda o facto de, na freguesia da Ponta Delgada, existir uma grande quantidade de figueiras, pelo que terá sido também uma forma encontrada para aproveitar o excesso daqueles frutos, transformando-os. Esta iguaria ainda é confecionada, por várias famílias, no final do mês de agosto, princípios do mês de setembro.

Este mel é ainda hoje utilizado na confeção dos bolos e broas de mel da Festa, na confeção do bolo de rolão doce, para regar as malassadas do Carnaval, na confeção da macia (mistura de aguardente com mel) e para adoçar o leite ou o chá.

Visite a exposição. A entrada é livre. Conheça a Sua Identidade Cultural!

Casas do Povo da RAM homenageadas em Revista promovida pelo GR através da Secretaria Regional de Agricultura e Desenvolvimento Rural e o DN Madeira

Revista Casas Povo com a Populacao capa Na edição impressa do Diário de Notícias da Madeira de amanhã, 25 de setembro, será publicada uma revista sobre as 42 Casas do Povo (CP) da Região Autónoma da Madeira e o seu contributo decisivo para o bem-estar e progresso das populações.

A defesa, divulgação e preservação das nossas tradições e o auxílio que prestam às pessoas menos favorecidas num verdadeiro espírito de missão dos dirigentes e voluntários que constituem as CP, são enaltecidas na revista.

A título de curiosidade, refira-se que a Casa do Povo mais antiga da RAM é a CP de Santo António, no Concelho do Funchal, que surgiu a 2 de outubro de 1936, com o propósito de prestar apoio social, cultural, educacional e ecnómico à comunidade local.

De 7 de setembro a 27 de novembro: Comissão Europeia lança consulta pública sobre visão a longo prazo para as zonas rurais

A Comissão Europeia lançou no passado dia 7 de setembro uma consulta pública sobre a sua nova iniciativa sobre uma visão a longo prazo para as zonas rurais. O objetivo desta consulta é recolher pontos de vista acerca das oportunidades e desafios atuais nas zonas rurais, das aspirações destas zonas e das ações necessárias para as concretizar.

Todos os interessados, nomeadamente os consumidores, o setor agroalimentar, as PME rurais, os Estados-Membros, as autoridades regionais e locais, os agricultores, as organizações da sociedade civil, a juventude rural, as ONG, os grupos de ação local, as redes rurais e os académicos podem contribuir para a consulta pública que estará disponível em linha até 27 de novembro de 2020. A Comissão deseja que esta consulta seja abrangente e convida todos os interessados no futuro das zonas rurais e os seus habitantes a partilharem os seus pontos de vista.

7 de outubro: 7.º Concurso Nacional de Vinagres Tradicionais Portugueses

A 7 de outubro decorre a 7.ª edição do Concurso Nacional de Vinagres Tradicionais Portugueses, cujas inscrições deverão ser feitas exclusivamente por via eletrónica, através da ligação https://concurso.qualificaportugal.pt/inscricoes.php?evento=5f54aba392c21, até às 18h00 do dia 4 de outubro, enquanto as amostras deverão ser entregues até às 17h00 do dia 6 de outubro, no CNEMA, em Santarém.

As entidades organizadoras recomendam a leitura atenta e integral do regulamento específico e do regulamento geral.

De referior que estes Concursos Nacionais são organizados pelo CNEMA, em conjunto com a Qualifica/oriGIn Portugal, que assume a direção das iniciativas.

Para esclarecimentos de natureza técnica (inscrições, categorias, tipos de produtos, datas de entrega de amostras e produtos admissíveis, entre outros), as pessoas interessadas deverão entrar em contacto com a organização, através dos telefones 243 300 338, 913 299 961 ou 965 819 936 ou dos e-mails Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Relativamente a outras questões, como o pagamento de inscrição, os recibos ou o horário de funcionamento, entre outras, os candidatos deverão entrar em contacto com o CNEMA, pelo telefone número 243 300 300 ou pelos e-mails Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

7 de outubro: 5.º Concurso Nacional de Cervejas e Sidras Tradicionais Portuguesas

A 7 de outubro decorre a 5.ª edição do Concurso Nacional de Cervejas e Sidras Tradicionais Portuguesas, cujas inscrições deverão ser feitas exclusivamente por via eletrónica, através da ligação https://concurso.qualificaportugal.pt/inscricoes.php?evento=5f520d7f3c564, até às 18h00 do dia 4 de outubro, enquanto as amostras deverão ser entregues até às 17h00 do dia 6 de outubro, no CNEMA, em Santarém.

As entidades organizadoras recomendam a leitura atenta e integral do regulamento específico e do regulamento geral.

De referior que estes Concursos Nacionais são organizados pelo CNEMA, em conjunto com a Qualifica/oriGIn Portugal, que assume a direção das iniciativas.

Para esclarecimentos de natureza técnica (inscrições, categorias, tipos de produtos, datas de entrega de amostras e produtos admissíveis, entre outros), as pessoas interessadas deverão entrar em contacto com a organização, através dos telefones 243 300 338, 913 299 961 ou 965 819 936 ou dos e-mails Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Relativamente a outras questões, como o pagamento de inscrição, os recibos ou o horário de funcionamento, entre outras, os candidatos deverão entrar em contacto com o CNEMA, pelo telefone número 243 300 300 ou pelos e-mails Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

7 de outubro: 5.º Concurso Nacional de Gelados Tradicionais Portugueses

A 7 de outubro decorre a 5.ª edição do Concurso Nacional de Gelados Tradicionais Portugueses, cujas inscrições deverão ser feitas exclusivamente por via eletrónica, através da ligação https://concurso.qualificaportugal.pt/inscricoes.php?evento=5f54ab1d684bc, até às 18h00 do dia 4 de outubro, enquanto as amostras deverão ser entregues até às 12h00 do dia 6 de outubro, no CNEMA, em Santarém.

As entidades organizadoras recomendam a leitura atenta e integral do regulamento específico e do regulamento geral.

De referior que estes Concursos Nacionais são organizados pelo CNEMA, em conjunto com a Qualifica/oriGIn Portugal, que assume a direção das iniciativas.

Para esclarecimentos de natureza técnica (inscrições, categorias, tipos de produtos, datas de entrega de amostras e produtos admissíveis, entre outros), as pessoas interessadas deverão entrar em contacto com a organização, através dos telefones 243 300 338, 913 299 961 ou 965 819 936 ou dos e-mails Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Relativamente a outras questões, como o pagamento de inscrição, os recibos ou o horário de funcionamento, entre outras, os candidatos deverão entrar em contacto com o CNEMA, pelo telefone número 243 300 300 ou pelos e-mails Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

8 de outubro: 9.º Concurso Nacional de Pão Tradicional Português

A 8 de outubro decorre a 9.ª edição do Concurso Nacional do Pão Tradicional Português, cujas inscrições deverão ser feitas exclusivamente por via eletrónica, através da ligação https://concurso.qualificaportugal.pt/inscricoes.php?evento=5f54ab1d684bc, até às 18h00 do dia 5 de outubro, enquanto as amostras deverão ser entregues até às 12h00 do dia 8 de outubro, no CNEMA, em Santarém.

As entidades organizadoras recomendam a leitura atenta e integral do regulamento específico e do regulamento geral.

De referior que estes Concursos Nacionais são organizados pelo CNEMA, em conjunto com a Qualifica/oriGIn Portugal, que assume a direção das iniciativas.

Para esclarecimentos de natureza técnica (inscrições, categorias, tipos de produtos, datas de entrega de amostras e produtos admissíveis, entre outros), as pessoas interessadas deverão entrar em contacto com a organização, através dos telefones 243 300 338, 913 299 961 ou 965 819 936 ou dos e-mails Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Relativamente a outras questões, como o pagamento de inscrição, os recibos ou o horário de funcionamento, entre outras, os candidatos deverão entrar em contacto com o CNEMA, pelo telefone número 243 300 300 ou pelos e-mails Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Candidaturas abertas ao Prémio Árvore do Ano 2021

A UNAC - União da Floresta Mediterrânica abriu o período de candidaturas ao prémio Árvore do Ano 2021 (Tree of the Year 2021). Até dia 14 de outubro candidate-se a este prémio que culminará com a escolha da melhor árvore em território nacional e, posteriormente, a distinção de melhor árvore europeia, com critérios de seleção com base elementos biológicos, estéticos, de dimensão, históricos ou tradicionais.

Todos os anos a votação para a Árvore Europeia do Ano é organizada pela Environmental Partnership Association (EPA), e a UNAC – União da Floresta Mediterrânica é a organizadora do concurso nacional, que habilita a árvore portuguesa vencedora a concorrer à votação para a Árvore Europeia do Ano.

A inscrição é livre e gratuita, podendo participar particulares, instituições públicas ou privadas.

Aceda ao formulário de candidatura, ao regulamento e ao enquadramento do concurso.

 

Comentar

Código de segurança
Atualizar