1 1 1 1 1 Pontuação 1.00 (1 Votos)

O Centro de Processamento da Castanha

CPC2

A freguesia do Curral das Freiras é responsável por cerca de 50% da castanha produzida na Região.

Em 2002 foi criado, nessa freguesia, o Centro de Processamento da Castanha (CPC), que tem por finalidade apoiar este sector produtivo, nomeadamente no que se refere à preparação do fruto para a sua comercialização.

 

CPC1Trata-se de uma estrutura que se encontra à disposição dos agricultores que queiram valorizar o seu produto, de acordo com as novas exigências de mercado.

A castanha que dá entrada no CPC começa por ser submetida a uma seleção comercial, através de calibradores que dividem os frutos em 3 categorias: grada, média e miúda. Segue-se o processo de esterilização por choque térmico para controlo da praga "bichado da castanha", que consiste na imersão da castanha em água aquecida até 50º C durante 20 minutos, seguidos de outros 10 minutos de imersão em água a 16º C.

Antes da embalagem, os frutos passam por um tapete rolante com uma fonte de calor, de modo a retirar a água da sua superfície.

O início da atividade do CPC na campanha de 2014 ocorreu no dia 09 de outubro e o seu funcionamento está previsto até ao final da época de produção da castanha.

No período de 2008 a 2013 a quantidade de castanha calibrada e esterilizada foi 98.693 kg e 76.202 kg, respetivamente.

 

Alcino Silva
Direção Regional de Agricultura e Desenvolvimento Rural

Tem alguma questão? Coloque-a aqui:

Código de segurança
Atualizar